Simples nacional

Parecer dos auditores independentes. a) Destinatário: ASSOCIAÇÃO MINEIRA DE REABILI AÇÃO – AMR, b) Demonstrações financeiras, data e periodos dos Balanços Patrimoniais: Findos em 31 de dezembro de 2007 e de 2006, e as respectivas demonstrações do resultado, das mutações do patrimônio social e das origens e aplicações de recursos, correspondentes aos exercícios findos naquelas datas, elaborados sob a responsabilidade de sua administração. Nossa responsabilidade é a de expressar uma opinião sobre essas emonstraçóes contábeis. ) Exames efetivad Geralmente Aceitas: acordo com as norm o planejamento dos L saldos, o volume de t oss PACE 1 ora mas de Auditoria conduzidos de a e compreenderam: a relevância dos contábeis e de controles internos da entidade; a constatação, com base em testes, das evidências e dos registros que suportam os valores e as informações contábeis divulgadas; a avaliação das práticas e das estimativas contábeis mais representativas adotadas pela administração da entidade, bem como da apresentação das emonstrações contábeis tomadas em conjunto. ) Opinião do auditor: Em nossa opinião, as demonstrações contábeis mencionadas no primeiro parágraf Swipe to nex: page parágrafo representam adequadamente, em todos os aspectos relevantes, a posição patrimonial e financeira da ASSOCIAÇÃO MINEIRA DE REABILITAÇÃO -AMR, em 31 de dezembro de 2007 e de 2006, os resultados de suas operações, as mutações do seu patrimônio social e as origens e aplicações de seus recursos, eferentes aos exercícios findos naquelas datas, de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil. ) D. F levantados conf. PCGA: Nossos exames foram efetuados com o objetivo de formarmos uma opinião sobre as demonstrações contábeis referidas no primeiro parágrafo, tomadas em conjunto. As demonstrações consolidadas do fluxo de caixa e do valor adiconado, que estão sendo apresentadas para propiciar informações complementares da Associação, não são requeridas pelas práticas contábeis adotadas no Brasil.

Essas informações complementares foram submetidas aos mesmos procedimentos de auditoria descritos no parágrafo 2 e, em nossa opinião, estão apresentadas, em todos os aspectos relevantes, adequadamente em relação às demonstrações contábeis referentes ao exercício findadas em 31 de dezembro de 2007, tomadas em conjunto. f) Data do parecer: 22 de Fevereiro de 2008. g) Nome do audit0MCRC: AUDSÉRVICE – AUDITORES ASSOCIADOS S. S. ; CRC-01-MG-4553 – O; Antônio Lúcio Pereira Santos.